Início do conteúdo

Calourada dá as boas-vindas aos estudantes com programação variada

Em clima de respeito e humanidade, a Universidade Federal de Pelotas (UFPel) promove, de 2 a 6 de maio, a Calourada 2017/1. Com o mote “Todxs UFPel Respeitadxs”, a Instituição preparou uma série de atividades artísticas, culturais e acolhedoras para seus cerca de 18 mil alunos – em especial, seus aproximadamente 3,2 mil novos estudantes.

A abertura do evento terá o lançamento do Programa de Extensão “Espaços Expositivos Universitários” – lugares onde se pode divulgar o que a comunidade produz em extensão: arte, ensino e pesquisa. Na terça-feira, dia 2, haverá a abertura de dois espaços expositivos: Galeria Anglo, às 12h, e Galeria Brahma, às 19h.

Durante a semana, haverá ações como intervenções artísticas, mateada, sessão de cinema, apresentação de dança, evento Chefes na Rua (Gastronomia), aula aberta, oficinas e a Rota Patrimônio Cultural Edificado da UFPel, no sábado (6), com saída às 9h da frente do Restaurante Universitário.

Fique por dentro das ações da Calourada aqui.

Saiba mais sobre os Espaços Expositivos
A Galeria Anglo terá a exposição “Patrimônio Cultural Gráfico de Pelotas”, no Campus Anglo (no andar térreo, com entrada pelo Centro de Letras e Comunicação), com lançamento às 12h. Os painéis apresentam peças gráficas observadas em dissertação de mestrado de Nadia Leschko e Paula Lima, realizadas no Programa de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural da UFPel.

Também no Anglo, mas no Corredor Espaço do Patrimônio (no quarto andar, em frente ao Auditório da Reitoria) abrem-se, no mesmo horário, as exposições “Patrimônio Industrial da UFPel” e “Rede Museus da UFPel”. O espaço dessa parede está destinado a apresentar os lugares e os conteúdos que ilustram o patrimônio cultural da UFPel. Apresentam-se mostras que divulgarão os museus, os acervos, os edifícios, os projetos e as iniciativas que constituem o conjunto desse patrimônio. A ideia é contribuir para que a comunidade universitária saiba que a UFPel detém um patrimônio cultural intenso e amplo, que merece cuidado, atenção e proteção.

A abertura do Espaço Expositivo Universitário Galeria Brahma – exposição “Todxs Singulares, Todxs Plurais”, será no Antigo Prédio da Brahma (Rua Benjamin Constant, 1.071), às 19h. Trata-se de um projeto de extensão de Daniel Berbare com curadoria de Rafael Drum. A exposição apresenta uma mostra coletiva dos artistas Caroline Albrecht (pintura), Bruna Silva (instalação/objeto), Felipe Pilotto (escultura), Patrícia Khalil (instalação), Pedro Parente (pintura) e Pedro Paiva (gravura/objeto) acadêmicos do Centro de Artes.

Leia aqui a mensagem da gestão da UFPel para os novos alunos:
“Em nome da gestão da Universidade Federal de Pelotas e suas Pró-Reitorias, vimos aqui dar as boas-vindas desejando que possas bem usufruir o tempo da tua formação. Cada um de vocês, com suas mochilas de memórias e experiências, vem colorir o cenário educativo dessa Instituição que quer te acolher e te ajudar na reconstrução e reinvenção das aprendizagens construídas até aqui. Numa imagem poética, queremos ser como ninhos, cuja morada possa ser efetivamente formadora e logo estejas prestes a voar. Por isso, a UFPel, através de suas Pró-Reitorias, convida a todxs universitárixs a participarem da Calourada UFPel 2017/1, levando no peito a campanha TODXS UFPel RESPEITADXS. Vamos recepcionar xs ingressantes com atividades artísticas, de formação acadêmica e culturais, com respeito e alegria. Vamos, veteranos, saudar nossxs calourxs com ensino, arte, cultura e afeto. Sejamos TODXS UFPEL RESPEITADXS”.

Trote apenas solidário
Com o foco no caráter humanitário que caracteriza uma instituição de ensino, a UFPel reitera que o trote, ação dos veteranos para com os calouros, deve ser respeitoso e solidário.

A Universidade está proibindo a aplicação de trotes, aos calouros da Instituição, que submetam estes alunos novos a situações constrangedoras ou vexatórias ou que representem algum tipo de violência física ou simbólica e exposição a riscos.

Com o objetivo de proibir os trotes violentos, a Reitoria enviou um memorando circular às unidades acadêmicas e colegiados de cursos determinando que seja implantada a medida. Veja o memorando aqui.

Publicado em 27/04/2017, em Destaque, Informes Acadêmicos, Notícias.