Início do conteúdo

Falta de conscientização impede maior segurança na Cotada e Alfândega

A falta de conscientização de alguns membros da comunidade acadêmica da Cotada e da Alfândega está prejudicando medida recentemente tomada para dar mais segurança a todos no local, depois das 19h. Apesar da sinalização existente em frente às entradas dos prédios, que proíbe o estacionamento dos carros depois das 18h, pessoas estão deixando seus veículos nas áreas, impedindo que o transporte de apoio da Universidade pare nos locais depois das 19h.

A parada dos micro-ônibus e do ônibus em frente à Cotada e à Alfândega foi uma solicitação da comunidade, especialmente dos centros acadêmicos das engenharias, para dar mais segurança a todos, evitando assim que as pessoas se desloquem até a parada, pela Benjamin em frente à praça do Porto, para pegar o transporte.

Desta forma, poderiam esperar dentro das áreas de segurança da Cotada e da Alfândega. Há uma sensação de insegurança pelo fato de ter de atravessar a praça da Alfândega à noite para chegar até a parada do ônibus.

A restrição de estacionamento nos locais vai das 18h às 23h. Carros estacionados nestes locais nos horários citados poderão ser notificados pelos agentes de trânsito.

O Conselho de Centros Acadêmicos do Centro de Engenharias, assim, pede a todos que respeitem a restrição de estacionamento em frente aos prédios depois das 18h, para que a medida já estabelecida pela Universidade possa efetivamente ser cumprida e mais segurança possa ser oferecida à noite à comunidade usuária do transporte de apoio.

Publicado em 29/06/2016, em Informes Acadêmicos, Notícias.