Início do conteúdo

Mauro Del Pino é empossado, no MEC, como reitor da UFPel. Ações para os primeiros 120 dias serão anunciadas na sexta(11)

leticia-verdi-mec-5.jpg leticia-verdi-mec-6.jpg A Universidade Federal de Pelotas tem novo reitor. Em ato realizado na tarde desta segunda-feira(7), no Ministério da Educação, em Brasília, o professor Mauro Del Pino foi empossado no cargo pelo ministro Aloízio Mercadante, para um mandato de quatro anos. Também no ato desta segunda, no MEC, foi empossada como reitora da Furg a professora Cleuza Maria Sobral Dias, primeira reitora daquela Instituição.

Falando à Rádio Federal FM da UFPel, pouco antes da posse na capital federal, Del Pino disse que anunciará, na cerimônia de transmissão do cargo em Pelotas, na sexta-feira(11), um conjunto de ações para os primeiros 120 dias da gestão. Sobre a parceria com a Furg, que também inicia nova administração, disse que a ideia é aproximar projetos objetivando o desenvolvimento regional e a internacionalização das universidades.

Presentes na cerimônia em Brasília o titular da Secretaria de Ensino Superior(Sesu) do MEC, Amaro Lins, que saudou os novos e antigos reitores, o deputado federal Fernando Marroni e a deputada estadual Miriam Marroni.

Mauro Del Pino foi eleito pela comunidade universitária, em pleito realizado em dois turnos, em maio e junho de 2012. A cerimônia de transmissão do cargo em Pelotas ocorrerá às 18h da sexta-feira, no auditório da Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel(Faem), no Campus Capão do Leão. Neste ato, Del Pino nomeará o vice-reitor de sua gestão, professor Carlos Mauch, que também esteve na posse em Brasília, e todos os pró-reitores.

leticia-verdi-mec-7.jpg Em sua fala no MEC, Del Pino recordou o processo de consulta à comunidade universitária que o elegeu e destacou os quatro compromissos de sua gestão, que são a função social da universidade, a qualidade acadêmica, o desenvolvimento de pessoal e a gestão democrática e participativa.

“A Universidade cresceu muito. O desafio agora é adequar a infraestrutura para que a Instituição ganhe em qualidade”, ponderou o novo reitor. Del Pino referiu-se ao estabelecimento de um Conselho de Gestão com a sociedade, para a concepção de projetos acadêmicos capazes de, entre outras coisas, promover a inclusão.

“Queremos crescer com qualidade, com um modelo participativo, democrático e transparente”, sentenciou o reitor recém empossado.

Um conjunto de prioridades de sua gestão, que foram cumpridas, foi a tônica da fala do agora ex-reitor Cesar Borges, na cerimônia em Brasília. Ele citou os aumentos nos números de vagas e de cursos, a internacionalização da Universidade, o começo da construção do Hospital Universitário, a ampliação da área física da Instituição e a participação da UFPel na criação da Unipampa, processo que teve também a atuação da UFSM.

leticia-verdi-mec-13.jpg Depois de saudar os reitores, o Ministro da Educação traçou um quadro das realizações do MEC no momento, o que incluiu o Sistema de Seleção Unificada(Sisu), que está com sua fase de inscrições aberta. “Somente nas primeiras 12 horas de inscrições pelo Sisu, tivemos 21 mil inscritos na UFPel, o que demonstra o que é a demanda por educação hoje no país”, disse Mercadante.

Para o ministro, é preciso continuar com os esforços de expansão do ensino superior, com qualidade. Ele mencionou ainda o sistema de cotas e sua importância, já que a maioria dos estudantes de ensino médio no Brasil é oriunda de escolas públicas, sobretudo estaduais, e o papel fundamental da assistência estudantil para a manutenção e permanência dos alunos carentes nas universidades.

Fotos: Letícia Verdi/ACS MEC.

Publicado em 07/01/2013, em Notícias.