Início do conteúdo

UFPel estabelece cooperação para pesquisar utilização da LÃ OVINA na construção civil

A UFPel através do Instituto de Biologia (IB), estabeleceu cooperação com a Comissão de Ovinos da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (FARSUL) e com a Associação Brasileira de Criadores de Ovinos (ARCO), para desenvolvimento de estudos visando a utilização da lã ovina na construção civil.

A iniciativa recebeu o aval da direção do Instituto de Biologia e da direção do Centro de Engenharias, bem como da Coordenação de Pesquisa da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da universidade. Além dos setores institucionais envolvidos, o trabalho contará em sua fase inicial com o apoio da Cabanha Paraísos.

Os estudos visam buscar alternativas para a utilização de todos os tipos de lã ovina, considerando que, nos últimos tempos, a crise no setor laneiro tem se agravado, inclusive com redução significativa nos preços, grave retração no mercado e, em determinadas situações, ausência total de interesse por parte dos compradores.

Considerando a importância social, econômica e ambiental da espécie ovina, e dos produtos por ela gerados, sendo a lã uma fibra renovável e com características físicas e químicas inigualáveis, tais como isolante térmico e não inflamável, é premente a necessidade de desenvolver tecnologias capazes de absorver e dar destino à tão importante produto. O uso dessa fibra incorporando a em materiais a ser utilizados em projetos de engenharia em construções pode ser alternativa importante, beneficiando ambos os setores, ou seja, a ovinocultura e a construção civil, além de outros.

É imbuída do espírito cooperativo, da necessidade de cumprimento do papel social e de desenvolvimento econômico que a cooperação UFPel/FARSUL/ARCO se estabelece e dá início a um trabalho importante para a região e para o setor de ovinos no Estado do Rio Grande do Sul.

Publicado em 29/06/2022, em Notícias. Marcado com as tags construção.