Início do conteúdo

INEP divulga o Resultado do Conceito Enade 2019

Foi publicada no último dia 21 de outubro, pelo INEP (Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), a primeira parte dos resultados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes – Enade 2019. A prova foi aplicada em novembro do ano passado.

Os resultados divulgados se referem ao Conceito Enade e ao Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD). Esse último se constitui em um dos índices utilizados para o cálculo do Conceito Preliminar de Curso, que ainda não foi divulgado pelo INEP.

O Conceito Enade avalia os cursos de graduação a partir dos resultados obtidos pelos estudantes no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). O indicador é divulgado anualmente para os cursos em que pelo menos dois estudantes concluintes participaram do exame.

Já o Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD) mede o valor agregado pelo curso ao desenvolvimento dos estudantes concluintes. Para isso, considera os desempenhos no Enade e no Enem.

O cálculo do Conceito ENADE é realizado para cada curso de uma Instituição de Educação Superior enquadrado em uma área de abrangência no ENADE. A nota final do curso depende do desempenho de seus estudantes concluintes inscritos na parte do Componente de Conhecimento Específico e na do Componente de Formação Geral da prova, sendo que o primeiro contribui com 75% da nota final, enquanto a parte referente a Formação Geral contribui com 25%.

A nota de cada curso é dada na faixa compreendia entre 1 e 5, sendo que quanto maior o valor, melhor o desempenho na prova. A partir do intervalo de nota obtida, os cursos recebem um Conceito Enade faixa correspondente, conforme pode ser visualizado no quadro abaixo:

O Enade funciona em ciclos trienais, avaliando os estudantes quando ingressam na educação superior e quando concluem seus cursos. A edição de 2019 avaliou o Ano 1, que abrange cursos das áreas de Ciências da Saúde, Agrárias e áreas afins, Cursos de bacharelado nas áreas de conhecimento de Engenharias e Arquitetura e Urbanismo; além de cursos superiores de Tecnologia nas áreas de Ambiente e Saúde, Produção Alimentícia, Recursos Naturais, Militar e Segurança. Os cursos de engenharia e arquitetura até 2018 faziam parte do Ano II, antigo Ciclo Azul de avaliação.

A UFPel participou dessa edição da avaliação com 20 cursos, conforme tabela abaixo, que traz os conceitos Enade das duas últimas participações dos cursos avaliados:

No site do INEP, pode ser acessada a planilha com os conceitos Enade obtidos por todos os demais cursos e Instituições participantes do Enade, tanto na edição de 2019, como em todas as anteriores. A planilha apresenta os dados por área de avaliação, por instituição e por código e-MEC de curso, e pode ser acessada no link  https://www.gov.br/inep/pt-br/areas-de-atuacao/pesquisas-estatisticas-e-indicadores/indicadores-de-qualidade-da-educacao-superior/resultados

Na página do Núcleo de Regulação de Cursos (NRC), setor responsável pela coordenação dos processos internos da UFPel relativos ao enquadramento de cursos e à orientação às coordenações de cursos de graduação sobre as diferentes etapas do Enade, é possível acessar planilha que aglutina os dados e insumos referentes ao Conceito Enade e ao Conceito Preliminar de Curso (CPC), separados por edição do Enade, por área de avaliação e por curso participante. O link para a planilha é https://wp.ufpel.edu.br/cpi/nrc/indicadores-de-qualidade-da-ufpel/conceitos-enade-e-cpc/detalhamento-dos-conceitos-enade-e-preliminar-de-curso-2011-2019/

Além do Conceito Enade, são calculados também, a partir da participação e desempenho dos estudantes concluintes inscritos nas avaliações do Enade, o Conceito Preliminar de Curso (CPC) e o Índice Geral de Cursos (IGC), que avaliam, respectivamente, os cursos de graduação e as Instituições. Esses dois indicadores ainda não foram divulgados pelo INEP, e possuem previsão de publicação a partir de dezembro de 2020, assim como as regras para renovação de reconhecimento dos cursos do Ano 1 participante ou não do Enade 2019.

 

Publicado em 26/10/2020, em Notícias. Marcado com as tags ENADE, INEP.