Início do conteúdo

Estudo EAI PELOTAS? divulga resultados de etapa inicial

O estudo EAI PELOTAS – Multimorbidade e procura por serviços de urgência e emergência em Pelotas – RS: predição a partir de análises de inteligência artificial finalizou, em dezembro, sua etapa inicial de entrevistas. Desde setembro, os entrevistadores percorreram bairros da cidade e, nesses três meses, entrevistaram quase 6 mil pessoas.

Os dados preliminares divulgados pelo grupo de pesquisa ligado à Faculdade de Enfermagem revelam que os entrevistados têm uma média de idade de 50 anos, com variações entre 18 e 98 anos, sendo que dois terços deles eram do sexo feminino. A maior parte dos participantes eram trabalhadores, seguida de aposentados; desempregados corresponderam a 13%. Pouco mais de 33% afirmou que sua alimentação piorou com o advento da pandemia causada pelo coronavírus.

Ao redor de dois terços dos entrevistados relataram nunca fumar e, atualmente, não consumir bebidas alcoólicas. Uma a cada sete pessoas referiu ter diabetes e um pouco mais de um terço relatou ter hipertensão. A prevalência de depressão referida foi de 18%. Pouco mais da metade dos respondentes relataram algum grau de nervosismo ou ansiedade nas duas semanas anteriores ao questionário. Em relação à COVID-19, ao redor de 17% relatou infecção prévia pelo vírus e praticamente a totalidade já havia tomado pelo menos uma dose da vacina.

Quanto à procura de serviços de urgência e emergência, um terço dos participantes utilizou algum serviço de saúde nos últimos 30 dias, enquanto um a cada dez entrevistados relatou ter utilizado o Pronto Socorro de Pelotas ao menos uma vez nos últimos 12 meses.

O estudo continuará no ano de 2022, para realizar o acompanhamento dos indivíduos pelo período de um ano. O EAI PELOTAS? é coordenado pela Faculdade de Enfermagem da UFPel e tem financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs). A realização da coleta de dados contou com apoio dos órgãos de segurança pública da cidade: Secretaria Municipal de Segurança Pública de Pelotas, Guarda Municipal e Brigada Militar.

Publicado em 29/12/2021, em Notícias. Marcado com as tags Enfermagem, Faculdade de Enfermagem, Pesquisa.