Início do conteúdo

De(s)colonizar o Pensamento em Tempos de Pandemia é tema do Simpósio de Gênero e Diversidade

A terceira edição do Simpósio de Gênero e Diversidade da UFPel terá como tema “De(s)colonizar o pensamento em tempos de pandemia” e ocorrerá entre os dias 10 e 12 de novembro. O evento é organizado pelo grupo de pesquisa D’Generus: Núcleo de Estudos Feministas e de Gênero e ocorrerá de forma remota.

O evento será uma plataforma para a discussão do momento histórico ora vivido, marcado pelo aprofundamento de desigualdades sociais, especialmente nos países do Sul global como o Brasil, tendo como analisadores questões de gênero e de diversidade humana. Os objetos de estudo são construídos a partir de lógicas interseccionais, articulados com um amplo conjunto de marcadores sociais como classe, etnia/raça, sexualidade, contexto centro-periferia entre outras.

O grupo de pesquisa tem caráter interdisciplinar e, por conseguinte, o evento apresenta e defende a interdisciplinaridade no que tange a discussão de questões de gênero e de diversidade humana. Serão priorizados estudos e pesquisas em andamento ou concluídas, mas que tenham resultados ou implicações metodológicas que fomentem o debate em seu campo.

Os trabalhos completos serão publicados na primeira edição da Revista D’Generus: Revista de Estudos Feministas e de Gênero que será lançada durante o evento.

Entre os palestrantes do Simpósio estão a professora da UnB, Flávia Biroli, a professora e escritora Vilma Piedade, a professora da UFF, Virgínia Fontes e a professora da PUC-Goiás, Lucia Rincon.

Interessados podem acessar o site do evento para mais informações e inscrição: https://www.even3.com.br/3simposio2021.

Acompanhe as redes do D’Generus: Instagram D’Generus e Facebook D’Generus.

Confira a programação

Dia 10 de novembro

17h – Palestra de Abertura: Gênero, Neoconservadorismo e Democracia com a professora da UnB, Flávia Biroli.

19h – Roda de Conversa com o Grupo de Pesquisa D’Generus com lançamento da primeira edição da Revista D’Generus com os professores da UFPel, Márcia Alves e Hudson Carvalho.

Dia 11 de novembro

9h – 12h – GT 1: Gênero, Diversidade e Educação – Coordenação da doutoranda da UFPel, Jamile Wayne Ferreira e da professora do IFFAr, Leticia Mossate Jobim.

9h – 12h – GT 2: Gênero, Diversidade e Direitos Humanos – Coordenação do professor e pesquisador da Fiocruz/Fiotec, Luciano Pereira dos Santos e da professora da FURG, Rita de Araujo Neves.

14h – 17h – GT 3: Gênero, Diversidade e Raça – Coordenação da professora da FURG, Cassiane Paixão e da professora da UFPel, Georgina Helena Nunes.

14h – 17h – GT 4: Gênero, Diversidade e Saúde – Coordenação da professora da UFPel, Marina Mota e do professor da UFPel, Hudson Carvalho.

19h – Mesa Redonda: Universidade, Interseccionalidade e Racismo Estrutural com a professora e escritora Vilma Piedade e o professor da UFPel, Marcus Spolle (UFPel) – Mediação da professora da UFPel, Georgina Helena Nunes.

Dia 12 de novembro

9h – 12h – GT 5: Gênero, Diversidade, Mídias e Artes – Coordenação do professor da UFPel, Paulo Gaiger e da doutoranda da UFPel, Silvana Moreira.

9h – 12h – GT 6: Gênero, Diversidade e Pensamento Filosófico – Coordenação da professora da FURG, Graziela Rinaldi da Rosa e das professoras da UFSC, Ilze Zirbel e Janyne Sattler.

14h – Apresentação do Jogo Vulgar com o professor da UFPel, Hudson Carvalho.

16h – Apresentação do projeto Janelas do Feminino com o professor da UFPel, Paulo Gaiger.

19h – Mesa de Encerramento: Crise do Coronavírus no Contexto Brasileiro com a professora da UFF, Virgínia Fontes e professora da PUC-Goiás, Lucia Rincon – Mediação do professor e pesquisador da Fiocruz/Fiotec, Luciano Pereira dos Santos.