NOTÍCIAS

Alunas representam a UFPel em intercâmbio do Letras sem Fronteiras nos Estados Unidos

As alunas do Centro de Letras e Comunicação (CLC) e professoras do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Ana Paula Roesler Legg e Anna Júlia Karini Martins representarão a Instituição em intercâmbio de dois meses na Universidade de Nova Jersey, nos Estados Unidos, como parte de projeto do Programa Letras sem Fronteiras (LsF).

Ana Paula é aluna de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Letras e desenvolverá parte de seu projeto de dissertação sobre internacionalização na universidade americana, sob a orientação local do professor Rafael Vetromille-Castro (CLC). Para Ana, o programa Letras sem Fronteiras representa uma oportunidade única para o desenvolvimento de suas práticas pedagógicas como professora, bem como de suas pesquisas na área de linguística aplicada no mestrado acadêmico.

Anna Júlia, aluna da licenciatura em Letras – Habilitação Português/Inglês, é membro do grupo de pesquisa coordenado pela professora Letícia Stander (CLC) e desenvolverá projeto especificamente desenvolvido para a experiência entre ambas as universidades. Segundo ela, o trabalho como professora do IsF foi parte essencial de sua formação. “Por estar terminando a graduação, o Letras sem Fronteiras representa a oportunidade de colocar em prática muitas coisas que sei em teoria, o que tornará minha formação como professora extremamente rica”, declara.

As alunas juntam-se a outros oito professores representando o país em cinco universidades dos Estados Unidos.

O Programa Letras sem Fronteiras
O Letras sem Fronteiras (LsF) é uma iniciativa do Programa Idiomas sem Fronteiras (IsF) com o objetivo de promover oportunidades de intercâmbio linguístico e cultural para estudantes de graduação em Letras Inglês/Português. O Programa busca valorizar as licenciaturas nas línguas ofertadas pelo IsF, além de promover ações que fortaleçam os processos de internacionalização das universidades brasileiras, quando prevê, além do envio de professores em formação, o recebimento de estudantes americanos em 2018.

O projeto piloto do LsF/Inglês oferecerá oportunidade de intercâmbio para professores bolsistas dos Núcleos de Línguas (NucLis) das Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras que tenham demonstrado alto desempenho profissional e linguístico no âmbito do programa.

Essa iniciativa conta com a parceria da Embaixada Americana e da American Association of State Colleges and Universities (AASCU), permitindo que dez professores de inglês dos NucLis das IES possam realizar um intercâmbio de dois meses em universidades americanas selecionadas e dez estudantes estadunidenses possam ficar em universidades brasileiras por igual período.

A UFPel está entre as cinco universidades, selecionadas dentre as mais de 50 instituições concorrentes no âmbito do IsF/MEC, devido a seu alto índice de aplicações de testes de proficiência, práticas de gestão inovadoras, resposta geral aos objetivos do programa, experiência no acolhimento de alunos estrangeiros (especialmente aquela construída desde 2011 com os English Teaching Assistants da CAPES/Fulbright) e outros quesitos. Destacou-se também o apoio da gestão ao programa localmente, garantindo sede para as atividades e fornecendo bolsas de ensino para ministrantes de outros idiomas, como o Alemão e o Português para Estrangeiros, além das atividades de Francês já existentes.

Durante o intercâmbio, os participantes brasileiros desenvolverão oficinas, palestras, divulgação do Português como Língua Estrangeira/Adicional (PLE/A) no exterior, assim como os participantes estadunidenses desenvolverão atividades voltadas ao ensino de inglês no Brasil, conforme seus planos de atividades. A preparação desses participantes está sendo planejada e viabilizada em ambiente virtual moderado pela coordenação do Letras sem Fronteiras e em encontros presenciais.

Na última semana, as alunas da UFPel passaram três dias em Brasília com a professora Janie Cristine Amaral, coordenadora do Programa Idiomas sem Fronteiras, em atividades de preparação para o intercâmbio com demais coordenadores e alunos premiados nacionalmente de outras quatro universidades federais. Após os dois primeiros meses, estão previstas atividades de contrapartida das professoras intercambistas para o Programa IsF na UFPel.

*Na foto coletiva, professores brasileiros intercambistas, coordenadores de NucLi/IsF e a presidente nacional do Programa IsF/MEC, Dra. Denise Martins de Abreu e Lima (centro).

Publicado em 26/12/2017, em Notícias.
Publicada em 16/01/2018 | 54 acessos
Publicada em 18/01/2018 | 48 acessos
Publicada em 16/01/2018 | 6 acessos
ARQUIVO
  • dez
    2018
  • nov
    2018
  • out
    2018
  • set
    2018
  • ago
    2018
  • jul
    2018
  • jun
    2018
  • mai
    2018
  • abr
    2018
  • mar
    2018
  • fev
    2018
  • jan
    2018
RÁDIO FEDERAL FM

Clique para abrir em uma nova janela.