Início do conteúdo

Comitê Covid lança Nota Técnica sobre melhora no cenário e traz informações sobre a variante Ômicron

O Comitê Interno para Acompanhamento da Evolução da Pandemia da Covid-19 da Universidade Federal de Pelotas (Comitê UFPel Covid-19) lançou nota técnica sinalizando a melhora no cenário da epidemia de Covid-19 em Pelotas e analisando o surgimento da nova variante de preocupação, Ômicron.

Conforme o documento, na última semana foram registrados 314 casos novos (91 casos novos por 100 mil habitantes). Isso significa que o município passou de uma situação de alta transmissão comunitária para transmissão substancial, o que representa uma melhora do quadro sanitário. No mesmo período, também houve queda no número de óbitos e no número de internações em leitos de UTI.

A Nota Técnica também destaca a vacinação como elemento fundamental para o controle da epidemia, mas a detecção da Ômicron reforça a necessidade de manter a imunidade em altos patamares, completando a segunda dose ou terceira dose no período recomendado. Isso é necessário mesmo para aqueles que tiveram Covid-19. “Além disso, indica que a vacina precisa ser acompanhada do engajamento da população às medidas de controle da transmissão do vírus, como o uso correto de máscaras de boa qualidade, o distanciamento físico, a ventilação cruzada nos ambientes e evitar aglomerações”, destaca o documento.

Leia aqui: Nota-técnica_29.11.21