Início do conteúdo

Curso de Serviços e Cuidados na Atenção do Idoso tem Aula Inaugural

Os 30 selecionados para o curso de extensão de Serviços e Cuidados na Atenção do Idoso, promovido pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), participaram, na manhã desta sexta-feira (29), de uma Aula Inaugural. A capacitação, que chegou a 1.227 candidatos, busca qualificar os profissionais que trabalham nas Instituições de Longa Permanência para Idosos e das Secretarias de Saúde da região.

De acordo com o organizador do curso, professor Élcio Alteris, a proposta deve oportunizar que os idosos recebam não apenas os cuidados básicos necessários, mas realizem atividades e oficinas que promovam sua qualidade de vida em totalidade. “Há uma gama de temáticas para que o idoso tenha o melhor atendimento dentro desses serviços”, pontuou.

Na Aula Inaugural, os participantes foram apresentados à metodologia e ao conteúdo do curso. Além de dinâmica para que professores e alunos se conhecessem melhor, houve ainda debate a respeito de atualidades nos cuidados com o idoso. Durante a tarde, o grupo tratou de aspectos relacionados ao Estatuto do Idoso e a violência contra essas pessoas.

Com aulas quinzenais, o curso é dividido em três módulos. Cada um deles é representado por áreas específicas ao atendimento do idoso: administração e serviços, saúde e lazer.

O projeto é coordenado pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFPel em parceria com o Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) e a Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul). As oficinas contarão com a participação de professores e técnicos do IFSul.

“Fazer o dia deles melhor”
Todo dia, quando abre o portão do Lar São Francisco de Assis, no município de Pedro Osório, a auxiliar administrativa Maritza Milene Lima, 47, diz renascer. Para ela, estar junto a pessoas com tantas histórias e vivências – e que dedicam a ela seu carinho e preocupação – é gratificante. É para esses idosos que ela quer levar ações e cuidados que busca no curso da UFPel. Em especial, oficinas e atividades que “mexam” com a rotina desse público, em geral muito estática. “Nós [cuidadores] somos a família deles. É importante fazer o dia deles melhor, tornar cada momento melhor. Essa é a motivação”.

Publicado em 29/03/2019, em Destaque, Notícias. Marcado com as tags Comunidade, Pró-Reitoria de Extensão e Cultura.