Início do conteúdo

UFPel já produziu 200 quilos de álcool gel

No terceiro dia do Projeto de Produção de Álcool Gel, dentro da parceria com a UCPel e o IFSul, a UFPel já produziu 200 quilos do produto. As atividades até o momento estão sendo realizadas por cinco professores do curso de Farmácia enquanto a Universidade organiza as escalas dos profissionais e estudantes que irão ajudar na tarefa.

A produção foi realizada neste primeiro momento em um tanque com capacidade de 50 litros, mas o objetivo é colocar em funcionamento outro tanque com capacidade de 200 litros para que a produção seja maior. A UFPel ainda possui um tanque de 500 litros que poderá ser utilizado futuramente. Desta forma, serão três linhas de produção com escalas de dois turnos por dia.

A grande preocupação da equipe é com a falta de insumos. O Carbopol, um dos ingredientes essenciais do álcool gel, já está com o estoque baixo na Universidade e está em falta no país. Contudo, os professores já estão fazendo alguns testes para utilizar outros insumos na produção do álcool gel. Outra possibilidade é a produção de álcool glicerinado que é outra formulação antisséptica permitida pela Organização Mundial de Saúde e a Universidade já está adquirindo os insumos necessários para a produção.

O álcool gel produzido já está sendo utilizado na rede de saúde.

Voluntários

A UFPel recebeu em três dias, mais de 500 inscrições de voluntários interessados em atuar no projeto mostrando a solidariedade da comunidade neste momento de pandemia.

A equipe, que trabalha junto com o Comitê UFPel Covid-19, está preparando uma escala com os voluntários selecionados para que o processo ocorra de forma segura para todos os participantes. A maior preocupação é com a transmissão, tendo em vista que muitas pessoas com o Covid-19 acabam não apresentando sintomas. Desta forma, todos as medidas de transporte, segurança e higiene estão sendo planejadas e as equipes serão pequenas para evitar aglomerações.

Para o trabalho, a UFPel disponibilizou salas e laboratórios de dois prédios do Centro de Ciências Químicas, Farmacêuticas e de Alimentos (CCQFA) no campus Capão do Leão.

Publicado em 25/03/2020, em Destaque, Notícias. Marcado com as tags coronavirus.