Início do conteúdo

Projeto da UFPel promoverá a Iniciação Científica para estudantes do Colégio Pelotense

A UFPel aprovou junto ao CNPq o projeto “A Ciência começa na escola: laboratório interdisciplinar de Ciências para a Educação Básica”, que proporcionará a iniciação científica a estudantes dos ensinos Fundamental e Médio de Pelotas. Por meio de uma parceria entre professores pesquisadores dos cursos de Licenciatura em Geografia e Química da UFPel, será implementado um Laboratório Interdisciplinar de Ciências.

O Laboratório é projetado na perspectiva de unir a teoria à prática, constituindo-se em conexão entre o abstrato das ideias e o concreto da realidade física. As práticas executadas no laboratório deverão ser precedidas ou acompanhadas de aulas teóricas, não necessariamente realizadas em outro espaço.

As atividades experimentais desenvolvidas em laboratórios são consideradas fundamentais para a aprendizagem  por diferentes razões, tais como: a importância da apropriação conceitual dos fenômenos, a motivação para aprender ciências, de maneira contextualizada e relacionada às demais disciplinas, o desenvolvimento de habilidades para operação e manutenção de equipamentos, o potencial que o material concreto representa para a construção do conhecimento e a riqueza da possibilidade de interação entre professores, conteúdos e alunos em meio ao trabalho pedagógico.

Serão desenvolvidos no Laboratório Interdisciplinar de Ciências experimentos vinculados às áreas de Física, Química, Biologia e Geografia, tais como: utilização do Bico de Bunsen, medidas de volumes, construindo uma pilha eletroquímica, reações de óxido-redução, preparando um polímero, isopor e suas propriedades, obtenção de carvão vegetal, identificação de pigmentos, tingimento com corantes, misturas, classificações e separações, identificação de cátions metálicos, indicadores e suas relações com o pH, observando os cristais de silicatos, elaboração de detergentes, extração de óleos vegetais e observação, manuseio e classificação de diferentes tipos de rochas.

O projeto prevê a implementação do Laboratório junto ao Colégio Municipal Pelotense, uma escola que atende simultaneamente ao Ensino Fundamental e o Ensino Médio. Situado nessa escola, o Laboratório permitirá a interação permanente de alunos e professores de toda a rede municipal de educação interessados em usufruir de suas possibilidades didáticas. Estima-se que sejam desenvolvidas aulas práticas diretamente vinculadas às disciplinas regulares, bem como a organização de turmas para experimentação em turno inverso, na perspectiva do Ensino Médio integral.

Publicado em 12/11/2019, em Notícias.