Início do conteúdo

Nova Direção toma posse no Instituto de Biologia

Foi empossado como diretor do Instituto de Biologia (IB) da UFPel o professor Luiz Fernando Minello, tendo como vice-diretor o professor Gilson de Mendonça. Encerrou seu mandato, na cerimônia realizada no fim da manhã desta quinta-feira (29), no Campus Capão do Leão, o professor Althen Teixeira Filho. Presidiu o ato, que lotou a sala 2 do prédio 17 do IB, o reitor Pedro Curi Hallal.

Fazer com que o Instituto cresça  de forma direcionada, em trabalho conjunto com a Reitoria, é objetivo da nova Direção da unidade, conforme o professor Minello. “Sempre ouvindo toda a comunidade”, ressaltou. O novo diretor disse que irá trabalhar para divulgar tudo que é feito no Instituto de Biologia.

Já o professor Gilson afirmou que a nova Gestão atuará com o apoio de todos e que o trabalho será mérito da comunidade. “Para um IB melhor”, sublinhou.

Em sua fala de encerramento de mandato, o professor Althen lembrou a relação estreita com a Reitoria, agradeceu o apoio e a compreensão de todos e disse ter sido um orgulho ter estado na Direção da unidade. Ao fim de sua manifestação, entregou ao reitor a proposta de Plano de Desenvolvimento da Unidade (PDU) do IB.

A professora Leila Macias, que estava no exercício da Direção, recordou que, desde 1994, o IB não é só um instituto básico. “Não é mais coadjuvante”, frisou. Desde então, o Instituto formou 705 biólogos, nos cursos de bacharelado e licenciatura. Como preocupação, citou a evasão registrada nestes cursos.

Em sua fala, o reitor Pedro Hallal listou pautas importantes do IB, como a Unidade de Conservação do Pontal da Barra e o Licenciamento Ambiental do Campus. “Estamos tentando criar mecanismos para resolver a questão da alocação das vagas docentes para os institutos básicos. A evasão também é um desafio que está sendo trabalhado pela Gestão, pela PRE”, disse, ao se referir a preocupações da comunidade do IB. Ao mesmo tempo que disse que é necessário uma maior integração entre departamentos, Pedro Hallal elogiou a pesquisa e a extensão feitas no Instituto, ao lado de um também reconhecido ensino.

O reitor garantiu ainda que as questões ambientais trabalhadas pela unidade sempre terão o apoio da Gestão Central, bem como a divulgação de todas as atividades do IB. Pedro Hallal voltou a lembrar a valorização que a Gestão dá ao Campus Capão do Leão, que está sendo revitalizado. Para ele, a realização das reuniões do Conselho Universitário (Consun) no Campus é um símbolo da importância que a Reitoria dá ao local. Também recordou ações como a disponibilização do transporte de apoio gratuito ao Capão do Leão, a licitação das obras da Biblioteca do Campus e o projeto Pró-reitorias Itinerantes, que, a cada duas semanas, instala a Gestão Central naquele campus.

Pedro Hallal voltou a pedir tolerância à comunidade em função da conjuntura nacional, mas garantiu que a Universidade irá se mobilizar em caso de ameaça aos direitos e interesses da Instituição.

Publicado em 30/11/2018, em Destaque, Notícias.