Início do conteúdo

Comunidade negra da UFPel se reúne para foto coletiva

Uma fotografia emblemática. Assim deve ser a imagem que será capturada nesta terça-feira (20), Dia da Consciência Negra, às 13h, no Campus Anglo da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Nela, estudantes, professores, técnicos e terceirizados negros da Instituição estarão reunidos para mostrar sua representatividade.

A ação busca reafirmar a necessidade de (re)existência dessa etnia na sociedade, de modo especial no campo acadêmico. Toda a comunidade acadêmica negra é convidada para a ocasião. A presença pode ser confirmada na página do evento no Facebook.

Conforme os organizadores, a foto vai além de uma simples imagem. “Com ela, temos o intuito de criar uma nova tradição na UFPel, pois nos ajudará a refletir e comemorar os avanços e demandas dos negros, 130 anos após a abolição da escravatura, sendo assim um registro para o futuro”, destacam.

A iniciativa é do Núcleo de Ações Afirmativas e Diversidade (NUAAD) em parceria com a Coordenação de Comunicação Social (CCS) e Grupo Design, Escola e Arte (DEA).

Seminário da Consciência Negra
O grupo promoverá uma série de atividades no Seminário da Consciência Negra de Pelotas (SECONEP) que ocorrerá nos dias 21, 23 e 25 de novembro. Na edição de 2018, o evento irá homenagear as mulheres negras da UFPel. Veja a programação aqui.

Publicado em 16/11/2018, em Destaque, Notícias.