Início do conteúdo

Mostra “Elas no Cinema Brasileiro” chega à penúltima sessão

Na penúltima sessão da mostra “Elas no Cinema Brasileiro”, o Zero Quatro Cineclube exibe, neste sábado (14), o longa-metragem “Eternamente Pagú”, dirigido por Norma Bengell. Filme biográfico sobre a vida da escritora modernista e jornalista Patrícia Rehder Galvão, mais conhecida como Pagú, aborda a trajetória de luta e rebeldia dessa mulher. O filme explora o universo e talento literário de Pagú, mas destacando a sua militância política, seu sofrimento durante as prisões e as suas viagens pelo mundo.

As sessões do Cineclube Zero Quatro ocorrem sempre aos sábados, às 16h, e são gratuitas e abertas à comunidade, com abertura a meia hora do início da sessão. O Cine UFPel fica na rua Álvaro Chaves, 447.

 

ETERNAMENTE PAGÚ

(Norma Bengell, filme biográfico, 1987, 1h40min)

Classificação Indicativa: 14 anos

SINOPSE: Fins dos anos vinte, Pagú ainda não tem vinte anos e já encanta os meios intelectuais avançados de São Paulo, da mesma forma que escandaliza os conservadores. É apresentada aos membros da ala radical do movimento modernista, liderada por Oswald de Andrade, brilhando entre estrelas não menos cintilantes, como a pintora Tarsila do Amaral. Pagú e Oswald se amam, têm um filho, militam no Partido Comunista, fundam um jornal. Pagú vai à Argentina, onde encontra Luiz Carlos Prestes. Participa de uma greve em Santos e é presa pela primeira vez. Em seguida, parte numa viagem pelo mundo, deixando Oswald e o garoto e sempre convivendo com artistas e militantes de esquerda.

Publicado em 11/07/2018, em Agenda, Notícias.