NOTÍCIAS

Setor de Qualidade Hospitalar do HE completa o primeiro mês de atividades

O Setor de Qualidade Hospitalar (SQH) do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel) completou um mês no dia 9 de novembro. Pioneiro nos hospitais universitários federais ligados à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), o setor é responsável pelo Plano Estratégico de Implantação do Sistema de Gestão da Qualidade Hospitalar (PEISGQH) e está ligado diretamente à Superintendência no organograma do HE.

De acordo com a chefe do SQH, Gisele Betat, estão sendo realizados encontros individuais com os chefes das Unidades, juntamente com seus facilitadores, a fim de diagnosticar o que existe atualmente no HE quanto ao POP (Procedimento Operacional Padrão), protocolos, formulários, indicadores e Plano de Contingências. “Essa é uma importante estratégia para sentir o clima organizacional, sendo que o objetivo inicial é a harmonização e padronização de todos os documentos existentes na Instituição”, comentou.

Para garantir o elo entres as unidades e o processo de padronização, Gisele é membro efetivo da Comissão de Documentação Médica e Estatística e itinerante da Comissão de Controle das Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (CCIH). “O objetivo é conhecer, inicialmente, os pontos de controle e indicadores importantes na Instituição”, acrescentou.

No primeiro mês os encontros ocorreram com as unidades de Laboratório de Análises Clínicas, Ouvidoria, Centro Cirúrgico – Recuperação Pós-Anestésica e Centro de Material Esterilizado –, Vigilância em Saúde, Gestão de Riscos Assistenciais, Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Neonatal, Farmácia Clínica, Abastecimento e Dispensação Farmacêutica, Diagnóstico por Imagem e Setor de Gestão de Processos e Tecnologia da Informação. Além disso, os encontros possibilitam a troca de ideias e informações pertinentes para o fluxo de informações, além da criação da descrição de procedimentos ainda inexistentes.

A chefe do setor afirma que a participação e contribuição de todos é necessária para o sucesso da Gestão da Qualidade no HE. Os encontros continuarão até que todo o organograma hospitalar seja envolvido no processo. “A aceitabilidade e acessibilidade do SGQH está sendo muito positiva, o que enaltece o objetivo do programa e fortifica os laços entre o setor e o restante do Hospital”, finalizou.

O Setor
O SQH tem o objetivo de ser um órgão de apoio e assessoria às áreas e setores quanto a diretrizes, conceitos e ferramentas da Qualidade, considerada como parte integrante de qualquer atividade, por meio da melhoria contínua dos processos e do sistema de gestão, assegurando a manutenção de programas de educação e aperfeiçoamento dos colaboradores.

O SGQH tem prazo de implantação de 24 meses e tem como resultado esperado tornar o HE em um hospital público de referência e modelo de gestão participativa, com reconhecimento pela assistência humanizada e de excelência em saúde, associada ao ensino, pesquisa e extensão de qualidade, aplicando os princípios do SUS e da gestão pública.

O modelo de gestão estará baseado em cinco pilares: Gestão por Diagnóstico de Processos – Mapeamento de Processos; Núcleo de Acesso e Qualidade Hospitalar e Núcleo de Gestão da Qualidade incluindo Comitês de Qualidade como Rede de Multiplicadores; Sistema Interno de Documentação; Sistema de Avaliação – Auditoria Interna; e Indicadores Hospitalares – Gestão à Vista.

 

Publicado em 16/11/2017, em Notícias.
Publicada em 14/12/2017 | 1 acessos
Publicada em 16/02/2017 | 1 acessos
Publicada em 20/11/2017 | 1 acessos
RÁDIO FEDERAL FM

Clique para abrir em uma nova janela.