NOTÍCIAS

Coordenações Administrativas objetivam melhorar gestão nas unidades acadêmicas

A Gestão Central da UFPel está implantando as Coordenações Administrativas nas unidades acadêmicas da Universidade. A medida parte da premissa que a boa gestão pública deve ocorrer também nestas unidades, que são 22 na UFPel, pois é nestes locais onde a pesquisa, o ensino e a extensão ocorrem. As coordenações, que serão ocupadas sempre por servidores técnico-administrativos, começam a funcionar a partir de 1º de agosto, em 13 unidades, e a partir de 2018, nas outras nove.

“Queremos proporcionar uma equidade nas relações de poder entre docentes e técnicos. A administração das unidades tem se mostrado por vezes problemática, por ser de técnicos que não detêm gratificação ou por diretores que não conseguem dar conta de toda a demanda”, observa o reitor Pedro Curi Hallal. Ele frisa que a medida deverá dar mais eficiência aos atos administrativos nas unidades e maior reconhecimento ao fazer técnico-administrativo na área acadêmica.

Embora as funções de cada coordenador devam ser definidas nas unidades, debate que tem a participação das direções e da Asufpel, existem atividades essenciais, listadas pela Gestão Central da UFPel, que devem ser cumpridas. São elas a reorganização administrativa do funcionamento da unidade, a fim de regularizar a jornada de 30 horas; o permanente controle, manutenção e atualização do inventário de bens de consumo, permanentes e patrimoniais da unidade; o acompanhamento do trabalho das empresas terceirizadas na unidade, subsidiando assim o trabalho dos fiscais de contratos; e ser um canal de comunicação direto com as unidades administrativas, otimizando os processos.

Cada unidade definirá como o coordenador será escolhido, mas a orientação é a de que o processo deva ter, necessariamente, a participação dos servidores técnico-administrativos da unidade. Os escolhidos ficarão no cargo até que seja definido o regramento geral para a função ou mudanças regimentais decorrentes da Constituinte. As unidades que terão seu coordenador já em agosto devem enviar o nome do indicado à Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, por meio de ofício, até 15 de julho.

Conforme proposto pelo Fórum de Diretores, as coordenações serão implantadas a partir de agosto no Centro de Ciências Químicas, Farmacêuticas e de Alimentos, no Centro de Engenharias, no Centro de Artes, no Centro de Integração do Mercosul, no Centro de Desenvolvimento Tecnológico, no Centro de Letras e Comunicação, na Escola Superior de Educação Física, na Faculdade de Medicina, na Faculdade de Odontologia, na Faculdade de Nutrição, na Faculdade de Administração e Turismo, na Faculdade de Educação e na Faculdade de Veterinária. Nas outras nove unidades a coordenação começa a partir de 1º de janeiro de 2018.

Os coordenadores que começarão a trabalhar em agosto receberão um treinamento, no começo daquele mês, que envolverá unidades administrativas como as Pró-Reitorias de Gestão de Pessoas, Administrativa e de Planejamento e Desenvolvimento. Independente do começo das atividades das coordenações, as unidades manterão o cargo de secretário da unidade, sendo competência de cada local a diferenciação das funções de cada um dos cargos.

Publicado em 13/06/2017, em Destaque, Informes Administrativos, Notícias.
RÁDIO FEDERAL FM

Clique para abrir em uma nova janela.