Início do conteúdo

Fórum de Coordenadores de Curso debate qualidade das atividades de ensino

V1O auditório do Centro de Artes da Universidade Federal de Pelotas recebeu na tarde desta segunda-feira (24) a primeira edição do Fórum de Coordenadores de Curso de Graduação, promovido pelas pró-reitorias de Planejamento e Desenvolvimento e de Graduação. Estiveram reunidos na oportunidade cerca de 50 coordenadores, que puderam discutir nesta primeira oportunidade a qualidade oferecida pelos cursos e o desenvolvimento de mecanismos de autoavaliação de suas atividades.

“Estamos preocupados com a qualificação dos nossos cursos”, afirma o coordenador do evento, chefe do Núcleo de Acompanhamento e Apoio às Coordenações de Curso da Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento, Juliano do Carmo. A ideia com a realização de ações como essa é a criação de um programa de qualificação das atividades de graduação: “E os coordenadores são protagonistas desse processo”, pontua do Carmo.

Para chegar a esse objetivo, expresso por uma melhora nas posições de rankings de qualidade, a ideia do Núcleo é a elaboração de instrumentos de autoavaliação, para posteriores ações de planejamento e acompanhamento a serem conduzidas pela Proplan em parceria com os próprios cursos.

Momento para debates

A abertura do Fórum contou com a presença da vice-reitora da UFPel, Denise Gigante. Na sua opinião, a realização de eventos desse tipo certamente trazem benefícios para os cursos e auxiliarão na tomada de decisões para a melhoria das suas atividades.

Já o pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento, Luiz Osório dos Santos, afirmou que a concretização do Fórum é um sonho acalentado por muito tempo e que traz uma satisfação imensa em vê-lo acontecendo. Segundo Osório, essa iniciativa será estendida também aos programas de pós-graduação. Ele destacou que, entre as temáticas a serem debatidas, estariam os novos desafios encontrados pela universidade brasileira, no que toca ao rendimento acadêmico e à permanência dos estudantes cotistas. “A avaliação só será profícua se for tomada como um diagnóstico, para gerar ações”, afirmou o pró-reitor.

Após a abertura, que também contou com a presença da coordenadora de Ensino e Currículo da Pró-Reitoria de Graduação, Afra Suelene de Souza, o coordenador do Fórum começou a apresentação do material que guiaria a discussão da tarde. Entre as temáticas, estiveram o papel do coordenador do curso, as avaliações de qualidade já realizadas e as propostas de ações institucionais já existentes.

Entre os encaminhamentos definidos pelo grupo, esteve a criação de diversas comissões, que irão elaborar instrumentos de planejamento e autoavaliação dos cursos. Além disso, outra equipe irá trabalhar em conjunto com a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis para mensurar o impacto das políticas estudantis na qualidade dos cursos.

Publicado em 27/08/2015, em Destaque, Notícias. Marcado com as tags Gestão, Graduação, Planejamento e Desenvolvimento.